Publicidade

Arquivo de agosto, 2011

quarta-feira, 31 de agosto de 2011 Sem categoria | 19:11

Apenas um hiato necessário…

Compartilhe: Twitter

Olá, pessoal.

Por questões pessoais e profissionais, não tenho conseguido dar tanta atenção, como deveria, ao blog. Então, decidi dar uma pausa para organizar algumas pendências. Este hiato será breve e servirá, também, para rever algumas coisas deste espaço.

No mais, peço desculpas não apenas pela interrupção, mas também pelo tempo em que não pude dedicar-me da forma que vocês, leitores, merecem. Espero conseguir voltar o mais rápido possível.

Abraço.

Autor: Tags:

segunda-feira, 29 de agosto de 2011 Apertura | 14:25

Apertura, fecha 4: Resultado

Compartilhe: Twitter

A quarta rodada começou com cinco líderes – Boca Juniors, Racing, Lanús, Colón e Vélez Sarsfield -, todos jogaram em casa diante de sua torcida, no entanto, nenhum deles conseguiu vencer e fazer justiça a posição que ocupava. Então, a fecha finalizou com um novo líder, o recém ascendido Atlético Rafaela. A rodada teve média de 1,9 gols por partida.

A Academia recebeu o Arsenal, no Cilindro, mas nem sua condição de líder, muito menos o fator casa foi o suficiente para superar o fraco futebol apresentado e o organizado Viaducto. O zero a zero é reflexo do bom sistema defensivo do Racing e fraco poder ofensivo apresentado pelos visitantes.

O Lanús possui um bom plantel e até aqui conseguiu bons resultados, mas segue devendo o futebol. Diante do Tigre não foi diferente, enquanto, o Matador foi comedido, o Granate foi impotente. Valeri segue fazendo falta.

Por sua vez, Vélez Sarsfield, que havia perdido o artilheiro Santiago Silva, foi batido pelo All Boys, no José Amalfitani. Esta foi a primeiro vitória do Albo no Apertura e a segunda vitória consecutiva, ante o Fortín.

No clássico de Santa Fé, o Colón não conseguiu se reabilitar dos dois gols sofridos antes da metade do primeiro tempo e foi derrota pelo arquirrival Unión, que conseguiu a primeira vitória no Apertura. Foram oito anos de hiato deste dérbi e a festa da torcida no início deu lugar a confusão dos futebolistas no final. Deprimente.

Já no “pseudo dérbi”, Boca Juniors e San Lorenzo empataram em 1 a 1, na Bombonera. Seria um placar comum, se o gol do anfitrião não fosse resultado de uma polêmica jogada. Porém, Tula dava condições de jogo. E o que pode-se dizer da equipe xeneize e que, após diversas campanhas desastrosas, a equipe parece está se ajustando, ao menos em campo.

Contudo, o Atlético Rafaela não parece está muito preocupado com os rivais mais pomposos e mantém a regularidade que o fez se promovido. Em quatro partidas, perdeu uma e venceu três, a vítima da vez foi o Olimpo. Cravar como candidato ao título é precoce, porém a Crema ainda dará muito trabalho, neste Apertura.

Resultados da rodada:

Godoy Cruz 1 x 0 Banfield
Estudiantes 2 x 2 San Martín SJ
Racing 0 x 0 Arsenal
Lanús 0 x 0 Tigre
Atlético Rafaela 3 x 1 Olimpo
Vélez Sarsfield 0 x 1 All Boys
Colón 0 x 2 Unión
Belgrano 2 x 3 Newell’s Old Boys
Boca Juniors 1 x 1 San Lorenzo
Argentinos Juniors 0 x 0 Independiente

Gols da rodada:

Autor: Tags: , , , , , , , , ,

sexta-feira, 26 de agosto de 2011 AFA, Apertura, Seleção | 18:49

Apertura, fecha 4 e o hiato de silêncio…

Compartilhe: Twitter

Quando o silêncio fala mais alto...

“Ninguém me explicou nada, gostaria que Grondona houvesse me explicado por que fui (demitido). Pelo menos, teria a chance de me defender, dizer o meu (lado)”, criticou Sergio Batista, ex-técnico da Argentina, um mês depois de sair do cargo. Enfim, ética não é algo que se pode cobrar de dirigentes de confederações, né? E qualquer semelhança com o que temos por aqui, não é mera coincidência. 

Quando o cargo de selecionador caiu no colo de Alejandro Sabella, Checho Batista ainda era o dono, ao menos, não havia sido formalmente demitido. No entanto, já havia sido destituído do cargo publicamente, por Grondona e parte de sua trupe. 

Como justificativa, Don Julio disse que a imprensa havia derrubado o técnico, e que não era essa a vontade dele. Talvez não o fosse, mas foi! Afinal, Ninguém manda e desmanda mais no futebol argentino do que seu ego. Aliás, não há afirmativa mais incrustada no imaginário popular, do que a já consagrada por Grondona, que solta no ar de tempos em tempos: “Tudo passa”. É verdade, menos ele.

Os resultados e a pressão popular já falaram por si. Não havia clima para se manter no cargo. Fato. Porém o mínimo que se deseja é respeito, o que é pedir demais aos senhores do poder. Suas palavras já não fariam diferente, desculpe-me pela franqueza. E o hiato de um mês sem falar, credenciou Batista ao silêncio eterno.  Ou seja, neste caso, o silêncio falou mais alto.

Fecha 4: Dentre os confrontos desta quarta rodada, o pseudo dérbi, entre Boca Juniors e San Lorenzo, é sem dúvida o mais interessante, por se trata de duas equipes grandes, mas não necessariamente, grandes equipes. No entanto, outros confrontos merecem atenção, como Vélez Sarsfield x All Boys e Racing x Arsenal.

 Sexta-feira (26)
17h Godoy Cruz x Banfield
19h10 Estudiantes x San Martín SJ (Esporte Interativo)
21h15 Racing x Arsenal

Sábado (27)
15h05 Lanús x Tigre
17h10 Atlético Rafaela x Olimpo
21h15 Vélez Sarsfield x All Boys (Esporte Interativo)

Domingo (28)
14h Colón x Unión
16h Belgrano x Newell’s Old Boys
18h10 Boca Juniors x San Lorenzo (Esporte Interativo)
20h15 Argentinos Juniors x Independiente

Autor: Tags: , , , , , , , ,

Boca Juniors | 00:31

Faz parte do meu show…

Compartilhe: Twitter

Desconfiem das interrogações pré-eleições.

O Mundo Boca vive dias de calmarias, a equipe está fazendo uma campanha de regular para boa, neste início de Apertura. No plantel já não há a tensa divisão aflorada entre Riquelmistas e Palermistas, os conflitos internos da diretoria estão camuflados na “boa fase”, enfim, o momento é de paz. Mas não se enganem, pois independente da trajetória ou do desfecho este ano promete, pois trata-se de um ano eleitoral.

Há três meses, da eleição o atual presidente Jorge Amor Ameal demonstra “uma dúvida” questionável a respeito da candidatura a manutenção do cargo. Faz parte do show? Quiçá. Enquanto isso, não só nas ruas de La Boca, como em toda Argentina, os sussurros levam o ex-presidente do clube e atual prefeito de Buenos Aires, Maurício Macri, e sua corja ao comando do clube. Há quem diga, e eu concordo, ele nunca saiu de lá.

Enquanto, tudo segue “às mil maravilhas”, com o perdão do lugar comum, não duvide que algo está sendo tramado dentro do clube de La Ribera, inclusive, as interrogações plantadas a respeito da participação de Love Ameal, nas próximas eleições. E de todas as certezas questionáveis, que eu carrego, talvez a menos dubitável é a de que independente do vencedor das eleições, o Boca Juniors será o maior perdedor, pois o fantasma Macri estará sempre presente.

Aguardem os próximos capítulos…

Autor: Tags: , , , ,

terça-feira, 23 de agosto de 2011 Apertura | 00:53

Apertura, fecha 3: Resultado

Compartilhe: Twitter

Ao término da terceira fecha do Apertura, cinco equipes estão na liderança do torneio – Boca Juniors, Vélez Sarsfield, Racing, Colón e Lanús – com sete pontos. E ainda que isso seja prematuro, o Fortín segue como sério candidato a manutenção do título. Todavia, Lanús, novamente, segue na corrida, assim como o Racing e Boca Juniors. No entanto, outras equipes não podem ser desprezadas, ainda.

Dentre os recém promovidos, o Atlético Rafaela tem apresentado o futebol mais eficiente. Talvez, até aqui, Godoy Cruz e Estudiantes são as equipes que mais têm decepcionado, não só pelos resultados pífios, mas também pelo futebol (não) apresentado.  

Contudo, o que de fato foi decepcionante foi a média de gols desta rodada, com 1,5 gols por partida. Nem os dois artilheiros Mauro Mattos, do All Boys, e Teófilo Gutiérrez, do Racing – com três gols cada -, muito menos os cinco líderes foram suficientes para sanar a escassez de tentos. Tendência ou ineficácia? Para mim, os dois. 

Resultados da rodada:

Arsenal 0 x 1 Vélez Sarsfield
San Martín SJ 0 x 0 Lanús
San Lorenzo 3 x 1 Argentinos Juniors
Independiente 1 x 0 Estudiantes
All Boys 1 x 2 Atlético Rafaela
Tigre 2 x 1 Godoy Cruz
Newell’s Old Boys 0 x 1 Boca Juniors
Banfield 0 x 1 Racing
Olimpo 0 x 1 Colón
Unión 0 x 0 Belgrano

Na B Nacional, River Plate e Rosario Central são os líderes, com seis pontos em duas partidas.

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

sexta-feira, 19 de agosto de 2011 Apertura, B Nacional, Reflexão | 21:54

Apertura, fecha 3 e “o veto ao veto”

Compartilhe: Twitter

Nos corredores da AFA, o burburinho leva a mais uma ação que “inconscientemente” pode beneficiar ao River Plate: a liberação da torcida visitante. O que é bastante válido para o espetáculo, no entanto, a falta de segurança era a desculpa necessária para o veto. A segurança não melhorou, mas pelo bem maior do futebol, ou de uma grande equipe, as torcidas poderão voltar a cancha do adversário, não do inimigo.

Todavia, ainda não há uma confirmação, mas já na próxima terça-feira uma reunião poderá concretizar o feito. E diga-se de passagem que este tipo de atitude já era prevista desde a confirmação do descenso da equipe Millionária.

Amanhã, no Estádio Bautista Gargantini, do Independiente de Rivadavia, haverá 12 mil lugares para torcedores do River, por opção da própria equipe mendocina. De antemão, das equipes que militam na B nacional, apenas Defensa y Justicia, Almirante Brown e Deportivo Merlo que não possuem condições de comportar torcida rival, se a lei for alterada, terão de encontrar outros campos para mandar seus jogos. Mas pelo bem geral do futebol e, sobretudo, de um grande vale tudo. Don Grondona e seus homens ainda não disseram isso, mas, com certeza, já pensaram.

Abaixo, seguem os confrontos da 3a rodada da Primera División e onde assistí-los. Vale guardar este link e este.

 Sexta-feira (19)
21h15 Arsenal x Vélez Sarsfield (Esporte Interativo)

Sábado (20)
15h San Martín de San Juan x Lanús
17h05 San Lorenzo x Argentinos Juniors
21h15 Independiente x Estudiantes (Esporte Interativo)

Domingo (21)
14h All Boys x Atlético de Rafaela
16h05 Tigre x Godoy Cruz
18h10 Newell’s Old Boys x Boca Juniors (Newell’s Old Boys)
20h15 Banfield x Racing
 
Segunda-feira (22)
19h Olimpo x Colón
21h05 Unión x Belgrano

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

quinta-feira, 18 de agosto de 2011 Sem categoria | 19:59

Lista “principal”: Retornos e ausências…

Compartilhe: Twitter

Logo após apresentar a lista “local”, Alejandro Sabella deu a lista da Seleção “principal” com 26 nomes para os amistosos contra Venezuela e Nigéria, dia 2 a 6 de setembro, respectivamente, na Índia. Dentre as novidades da lista, talvez a ausência de Carlos Tévez foi a que chamou mais atenção.

Além de Carlitos, Cambiasso e Zanetti também ficaram fora. No entanto, Demichelis retornou, assim como Jonas Gutiérrez, Lucho González e Licha López, estes dois últimos merecidamente, na minha concepção. O jovem Esteban Andrada, único atleta do futebol local, e Ricky Álvarez foram citados pela primeira vez. Não preciso comentar a presença de Garay, nem tudo é perfeito.

Lista de convocados:

Goleiros: Esteban Andrada (Lanús), Mariano Andujar (Catania-ITA) e Sergio Romero (Sampdoria-ITA)
Defensores: Martín Demichelis (Málaga-ESP), Ezequiel Garay (Benfica-POR), Nicolás Burdisso (Roma-ITA), Nicolás Otamendi (Porto-POR), Pablo Zabaleta (Manchester City-ING), Jonás Gutiérrez (Newcastle-ING), Cristian Ansaldi (Rubín Kazan-RUS), Nicolás Pareja (Spartak Moscou-RUS), Federico Fernández (Nápoli-ITA) e Marcos Rojo (Spartak Moscou-RUS);
Meiocampistas: Javier Mascherano (Barcelona-ESP), Éver Banega (Valência-ESP), Ricardo Álvarez (Internazionali-ITA), Fabián Rinaudo (Sporting-POR), Javier Pastore (Paris Saint Germain-FRA), Luiz González (Olimpyque de Marsella-FRA) e José Sosa (Metalist-UCR);
Atacantes: Ángel Di María (Real Madrid-ESP), Gonzalo Higuaín (Real Madrid-ESP), Lionel Messi (Barcelona-ESP), Eduardo Salvio (Atlético Madrid-ESP), Sergio Agüero (Manchester City-ING) e Lisandro López (Lyon-FRA).

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

AFA, Seleção | 19:11

Lista “local”: Riquelme e Verón?

Compartilhe: Twitter

Sabella força a barra e convoca Riquelme e Verón de uma só vez.

Nesta tarde, o novo selecionador da Argentina, Alejandro Sabella, apresentou a lista de 24 convocados para enfrentar o Brasil, dias 14 e 28 de setembro, reeditando, assim, a extinta Copa Rocca, rebatizada de “Superclássido das Américas”. Os jogadores, que atuam exclusivamente no futebol local, começam a treinar no prédio da AFA, dia 23 deste mês.

Vélez Sarsfield e Estudiantes foram as equipes que mais cederam atletas para a Seleção local, seis cada. Uma mescla entre o último clube do treinador e o atual campeão nacional. Racing, Boca Juniors, Lanús, San Lorenzo e Arsenal foram as outras equipes que tiveram jogadores convocados.

Dentre as novidades, Marcelo Barovero, Héctor Canteros, Lucas Castro e Emmanuel Gigliotti que foram citados pela primeira vez. Além do retorno de Juan Román Riquelme e Juan Sebastián Verón. O primeiro volta a Albiceleste após três anos ausente e uma sequência regular de lesões, enquanto, o segundo não atua há meses por diversos problemas físicos. Apostar faz-se necessário, mas não precisava forçar a amizade.

Lista de convocados:

Goleiros: Marcelo Barovero (Vélez Sarsfield) e Agustín Orión (Boca Juniors);
Defensores: Sebastián Domínguez (Vélez Sarsfield), Emiliano Papa (Vélez Sarsfield), Christian Cellay (Estudiantes de La Plata), Leandro Desábato (Estudiantes de La Plata), Iván Pillud (Racing Club), Clemente Rodríguez (Boca Juniors), Jonathan Bottinelli (San Lorenzo) e Lisandro López (Arsenal de Sarandí);
Meiocampistas: Augusto Fernández (Vélez Sarsfield), Rodrigo Braña (Estudiantes de La Plata), Juan Sebastián Verón (Estudiantes de La Plata), Juan Román Riquelme (Boca Juniors), Christian Chávez (Boca Juniors), Diego Valeri (Lanús), Héctor Canteros (Vélez Sarsfield), Lucas Castro (Racing Club) e Agustín Pelletieri (Racing Club);
Atacantes: Juan Manuel Martínez (Vélez Sarsfield), Gastón Fernández (Estudiantes de La Plata), Mauro Boselli (Estudiantes de La Plata), Gabriel Hauche (Racing Club) e Emmanuel Gigliotti (San Lorenzo).

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Apertura | 00:52

Apertura, fecha 2: Resultados

Compartilhe: Twitter

O colombiano Teo Gutiérrez foi o homem da vitória da Academia: marcou dois gols e perdeu um pênalti.

A segunda rodada mostrou-se bem mais interessante do que foi a fecha inicial. Não necessariamente pelo futebol vistoso, mas pelos gols, emoções e projeções que começam a surgir. Em termos de gols, não se pode reclamar, esta rodada teve média de 2,6 gols por jogo, apesar dos três empates magros. Boca Juniors, Racing e Vélez Sarsfield voltaram a jogar bem.

O Vélez Sarsfield foi superior ao Banfield durante toda a partida. Mas foi na segunda etapa que mostrou o futebol que o tornou campeão no último Clausura. O placar de 3 a 0 foi um detalhe diante do futebol apresentado pelo Fortín, que foi aplaudido de pé por sua torcida.

Finalmente, Omar Asad pôde comemorar uma vitória pelo San Lorenzo, após cinco partidas. O Ciclón que atravessa uma fase tortuosa almeja, como sempre, o título e, nestas duas partidas do Apertura, apresentou um futebol razoável para tal objetivo. Mas a vitoria de 2 a 0, ante Estudiantes foi importantíssima para as pretensões da equipe.

A volta a La Bombonera foi em grande estilo. Quando o primeiro gol chegou antes de completar um minuto de jogo, a ideia de goleada permeava a cabeça de todos os Xeneizes. A equipe jogou bem, porém não conseguiu ampliar. Na volta do intervalo, o ímpeto diminuiu, mas quando ele voltou a equipe foi incisiva, pior para o Unión, que perdeu por 4 a 0. Ah, os Boquenses não deixaram de “homenagear” o River Plate.

Minutos antes dos Millionários estrearem na B Nacional, o atacante Mariano Pavone, que jogara na equipe na última temporada, voltava a balançar as redes. O atacante marcou o gol da vitória do Lanús contra o Independiente. Em apenas duas rodadas, a equipe Granate é a única que tem 100% de aproveitamento.

Em Santa Fé, Mauro Matos, do All Boys, esteve “inspirado”. Marcou duas vezes no empate em 1 a 1, do Albo, ante Colón. Após abri o marcador cabeceando contra sua própria meta, o atacante aproveitou o bate-rebate na área adversária e empatou a partida, encobrindo Diego Pozo.

No final da rodada, o Racing conseguiu uma bela vitória sobre o bom Godoy Cruz, que não esteve bem. A Academia, que almeja o título, apresentou um futebol claro e objetivo, venceu por 3 a 0, e se deu ao luxo de desperdiçar um pênalti. No entanto, faz-se necessário esperar algumas rodadas para saber se este é o Racing vencedor de outrora ou o irregular dos últimos tempos.

Resultados da rodada:

Atlético Rafaela 1 x 3 Arsenal
Vélez Sarsfield
3 x 0 Banfield
Estudiantes 0 x 2 San Lorenzo
Boca Juniors
4 x 0 Unión
San Martín SJ 2 x 1 Tigre
Lanús 1 x 0 Independiente
Argentinos Juniors 1 x 1 Newell’s Old Boys
Colón 1 x 1 All Boys
Belgrano 1 x 1 Olimpo
Racing 3 x 0 Godoy Cruz

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , ,

quarta-feira, 17 de agosto de 2011 B Nacional | 00:56

Primeiro passo…

Compartilhe: Twitter

O resultado foi apertado, porém justo. O 1 a 0, ante Chacarita Juniors foi o primeiro passo de uma árdua caminha de quase 20 mil km que o River Plate terá pela frente rumo a Primera División – isto é, se antes forças ocultas não instituir o Aberración.

As limitações da equipe não desapareceram, contudo, foram parcialmente superadas. Pode-se dizer que a equipe jogou um futebol coerente.  O gol chegou cedo – aos seis minutos, através do zagueiro uruguaio Juan Manuel Díaz – e a expectativa de uma goleada se fez presente, mas não tardou a ir-se. Contudo, nos minutos finais a equipe sofreu, mas conseguiu manter o placar, que, diga-se, foi muito importante.

A equipe Millionária não vencia no Monumental de Núñez desde 9 de abril – ante, Banfield pela 9ª rodada do Clausura-, no entanto, a última vitória havia sido ante Racing, dia 30 do mesmo mês, pela 12ª.  

Assista ao gol da partida:

Autor: Tags: , , , ,

  1. Primeira
  2. 1
  3. 2
  4. Última